segunda-feira, 18 de setembro de 2017

Filme da Lara Croft ultrapassa barreiras e fará crossover com outras franquias


Recentemente foi divulgado o teaser e um cartaz do novo filme do Tomb Raider estrado por uma menina chamada Alicia Vikander. Você pode vê-lo abaixo.


Você pode perceber, a julgar pelo tamanho do pescoço que é maior que a testa da Larissa Manoela, que ela poderá invadir a tela de outros filmes. Ainda não se sabe se isso poderá acontecer em tempo real ou só no futuro.

sexta-feira, 15 de setembro de 2017

SEQUÊNCIA DE RESIDENT EVIL 6 SERIA EM MUNDO ABERTO E TERIA DRAGÕES


A Capcom revelou detalhes sobre como pretendiam continuar a trama de Resident Evil 6, caso fizesse sucesso. Devido o fracasso comercial do game, as ideias foram descartadas.

O jogo seria um hack n slash e se passaria em um mundo aberto. Invés de B.O.W.s., teríamos robôs e dragões geneticamente modificados, como uma nova arma dos bioterroristas. A terra estaria à beira do colapso, criando uma trama pós-apocalíptica. Jill e Claire seriam as protagonistas e o jogo não teria armas, apenas combate corpo-a-corpo, que incluiria uma série de combos de tirar o fôlego.

Os produtores pensaram em abandonar o survival horror de vez, focando apenas na ação e no bioterrorismo, adaptando criaturas místicas para o universo da franquia.

sexta-feira, 8 de setembro de 2017

Modelo antigo do Chris ainda será usado e se chamará Vanessa


Muitos fãs do Chris Redfield se mostraram descontentes após modelo do personagem ser drasticamente alterado por um homão da porra em Resident Evil 7, devido à fotogrametria. Mas uma boa notícia foi revelada para eles.

O modelo anterior do personagem, mais precisamente o de Resident Evil 5, será usado em uma personagem chamada Vanessa, uma travesti que protagonizará o próximo jogo da franquia e usará uma arma chamada Beyoncé.

Você gostou dessa notícia? Deixe sua opinião nos comentários.


quarta-feira, 6 de setembro de 2017

Resident Evil 7: Teoria sugere que Eveline seria filha de Chris


Resident Evil 7 voltou a provocar barulho após o trailer de anúncio e data das últimas DLC's Not a Hero e End of Zoe. E com isso, vieram-se as teorias, e uma delas pode assustar você.

Uma delas afirma que Eveline, a antagonista do jogo, se trata de uma filha biológica de Chris Redfield, que aparece ao final. A garota sofrera um aborto espontâneo durante a gestação, mas fora ressuscitada com a ajuda do mutamicento sem o conhecimento do pai. Um dos motivos de Chris ir para Dulvey é porque descobriu sobre a garota, e que se fosse para matar, mataria ele mesmo.

A teoria foi pega de uma postagem do Reddit, mas a mesma fora apagada, provavelmente por intervenção da própria Capcom, que não gostaria de ter seu conteúdo vazado, o que leva a crer que essa pode ser considerada verídica.

Não temos uma opinião concreta a respeito disso, mas gostaríamos de saber a de vocês. Deixem nos comentários.

terça-feira, 5 de setembro de 2017

Revista revela que Chris e Wesker podem ser irmãos


A revista japonesa Famitsu revelou informações sobre as últimas DLC's de Resident Evil 7, Not a Hero e End of Zoe (que revelará o destino de Zoe ao final do jogo), que serão lançadas no dia 14 de dezembro.

A revista também deu alguns detalhes sobre Not a Hero, revelando coisas sobre o passado de Chris Redfield. Na matéria, é dito que o personagem "descobre seu parentesco com seu antigo rival, o que o deixa obrigado a continuar seu legado". Ao que tudo isso poder se tratar de um retcon da Capcom para colocar Chris como irmão de Albert Wesker.

Chris seria o irmão biológico de Wesker, isto é, antes de Albert ser selecionado para o programa das crianças W de Ozwell E. Spencer. Chris vem a descobrir isso pouco antes dos eventos de RE7, onde ele funda a nova Umbrella com a ajuda de um diretor "misterioso". Isso, portanto, é um dos motivos de seu visual mudou para se tornar mais semelhante ao vilão.

Se isso se tornar verídico, será um choque para os fãs, que não estavam preparados para esse tipo de revelação. E vocês, o que acham disso? Deixem nos comentários.

sábado, 2 de setembro de 2017

CHRIS REDFIELD ESTÁ SENDO CONTROLADO POR UMA ENTIDADE; ESTARIA JILL ENVOLVIDA?


Chega de mentiras! Depois da notícia tedenciosa de que Chris seria um vilão com transtorno de personalidade, muitas pessoas deixaram de ter fé nesse blog. Mas agora estamos falando sério. Estaria Chris possuído por algum tipo de entidade?

Depois que Chris se revelou membro da Umbrella ao final de Resident Evil 7, muitos fãs perderam a fé na Capcom, e disseram que ela não estava nada mais que "imitando a Marvel". Mas o que estaria acontecendo com nosso querido personagem que lutou contra a empresa maligna e seus frutos durante anos?

Chris Redfield em Resident Evil 7

Segundo a teoria, Chris estaria sendo controlado por uma entidade, ou seja, não se trata dele realmente realizando tais ações. Se trata de uma segunda pessoa, em algum lugar do planeta ou universo, realizando-as. Como? A gente vai explicar.

Acredita-se que Jill Valentine esteja por trás desse controle. Não a Jill que nós conhecemos, mas a Jill de outra realidade: A realidade de Resident Evil 1.5, um protótipo descartado pela Capcom que acabou estabelecendo um universo inacabado: O universo Limbo, onde ficaram jogados os personagens daquela realidade.

O protótipo de Resident Evil 2 teria gerado um universo paralelo.

Sem ter quem os desenvolvesse, alguns personagens acabaram adquirindo distúrbios psicológicos. Entre eles, Jill, que acabou adquirindo múltiplas personalidades, entre elas, a de seu amigo Chris. A única memória que ela tinha era sobre a Umbrella, não sabia porque ou do que se tratava, mas sabia que algum propósito tinha.

Logo ela viu uma brecha, no outro universo, o principal, mas não conseguia permanecer em sua forma física. Naquele dia, o nosso Chris teria deixado de existir, sendo possuído por essa Jill, sob um único propósito criado em sua mente perturbada: Criar a Umbrella e reviver seu legado.

O que achou dessa teoria? Deixe nos comentários e compartilhe com seus amigos.

quarta-feira, 30 de agosto de 2017

RESIDENT EVIL 8 TERÁ O VÍRUS DA AIDS


A Capcom decidiu que seria bom tornar seus jogos mais realistas, por isso abordará vírus da vida real em uma escala maior.

Em Resident Evil 8 eles pretendem abordar o vírus da Aids, do Ebola e vários outros, em uma escala em que poucas pessoas sobreviverão, criando uma série de arcos a serem abordados em jogos futuros.